REDESCOBRIDORES DA ALMA!

sábado, 23 de fevereiro de 2013

GÊNIO MAU



Despertou de um longo sono
Quase improvável de acordar
Em densas nuvens de mágoas
Desenhadas por palavras infames
Execráveis ao coração da sua guardiã
Que assustou-se com tal linguajar
Incompreendendo a nódoa
Horrenda ao seu redor


Guardiã leal, que alimentava o Gênio
Com alimentos nocivos para a saúde
Dificultando a sua digestão 
Sem saber plenamente
Que estava incitando o seu furor
E a si mesma permitindo-se envenenar


Desolada, ela chorou conclusivamente
Crendo serem todos os gênios maus
Mascarando-se ao longo dos séculos
Revelando a sua verdadeira face intolerante
No momento conveniente, que pena!



AUTORIA: Patrícia Pinna
Imagens: Internet     


40 comentários:

  1. Realmente, desconhecemo-nos...
    Bjs. Célia.

    ResponderExcluir
  2. Olá querida, já estou seguindo seu blog, que é muito charmoso viu?


    Convido você e suas leitoras a conhecer o meu:

    http://toobege.blogspot.com.br/


    Beijinhos e tenha uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  3. Puxa!! Que pena mesmo!!Linda poesia!! beijos,chica e ótimo fds!

    ResponderExcluir
  4. Génio mau não, génio bom sim
    Despertou o meu olhar
    Quando passava pelo jardim
    Aquela, negra, nuvem no ar!

    Boa noite Patrícia Pinna
    Aquele temporal assustador
    Não te percas menina
    Corre para os braços do teu amor!

    Ele te espera com certeza
    Te quer abraçar com fervor
    Quer beijar a tua beleza
    E dar ao teu corpo mais calor!

    Obrigado Patrícia Pinna
    Pela tua visita
    Não te esqueças menina
    É pequenina, goza bem a vida!

    Boa noite e um beijinho
    para ti amiga.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  5. Um texto forte de bela construção para reflexão de sentimentos que não podem se alojar em nosso ser.
    Bravo Patricia!
    Um abração amiga.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  6. Versos profundos...
    Emocionei-me...
    És realmente uma grande poeta!

    Carinhos...

    ResponderExcluir
  7. Temos o lado bom e o lado mau aquele que mais alimentamos é o mais forte o outro morre de inanição. Bjo!

    ResponderExcluir
  8. Olá!Boa noite
    Patricia
    Tudo bem?
    ...por vezes somos deliciosamente confortadas pelos elogios, muitas vezes repletos de segundas intenções...o problema começa quando chegam os pedidos e as solicitações vindas depois dos elogios. Consciente ou inconscientemente alimentamos o Gênio. Nasce aqui o Gênio que vai dominar a Guardiã, a limitando e bloqueando .Porém, veremos que somos nós mesmos os autores de tanta tristeza e infelicidade. Então nos rebelamos,acordamos, deixando que nossos impulsos nos tomem conta. Voltamos ao caminho pleno e já estamos fortes, para ao olharmos para trás, percebemos o erro e uma vontade enorme de se corrigir.Aprender com os erros se torna ainda mais importante do que nunca ter sequer errado...
    Meu carinho de saudades
    Bom domingo
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Sentimentos maus não faz bem a nós nem a quem está proximo a nós também. Amiga, tem um presente para teu blog no meu. Acessa o link abaixo e verás. Bjinhos
    http://poesiasesonetos.blogspot.com.br/p/blog-page.html

    ResponderExcluir
  10. Bom dia, Patrícia. Lindo poema... até mesmo os gênios maus tem a sua missão, ou seja, de nos despertar!

    ResponderExcluir
  11. Olá Patrícia, que surpresa bem agradável a sua visita! Muito obrigada por ser a minha seguidora º 70! Adorei a sua poesia! Quando puder gostaria que espreitasse o meu outro blogue onde dedilho alguns inpulsos ou questões da alma. Um beijinho. Ailime

    ResponderExcluir
  12. Que lindo poema!

    Senti a dor em cada palavra.. Acho que é exatamente assim nao é?Gênios mals mascarados se revelando nos momentos necessários... isso é triste.

    Poema lindo, que me fez refletir!

    Espero voltar aqui mais vezes pois gostei muito do seu cantinho!

    Bjin, bjin!

    ResponderExcluir

  13. Olá Patrícia,

    Todos temos limites e ao alimentar mágoas em demasia, acabamos nos surpreendendo com a explosão de nossa alma. Não é o gênio mal que aflora, mas a alma doente que se exalta.

    Ótima noite.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  14. Com alimento inadequado estaremos sempre a alimentar monstros. Muitas vezes os abraçamos e nos assustamos
    com o reflexo do espelho. Bjs.

    ResponderExcluir
  15. O toque suave da poesia é o que se faz presente no coração. Amo visitar um blog e encontrar palavras que chegam até o coração.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. olá Patricia

    Amei .

    estar aqui é harmonia para minha alma

    lindo poema

    beijos.

    ResponderExcluir
  17. Olá, querida Patrícia
    Esses contra valores que permeiam o nosso coração nos empatam de crescer espiritualmente... é pena mesmo!!! Lindo discorrer sobre tão profundo tema!!!
    Bjm de paz e orante

    ResponderExcluir
  18. Querida nem sempre sabemos quem somos.Perfeito teu poema.Encantador.
    Amei.Felicidades sempre.Bjs Eloah

    ResponderExcluir
  19. Sentimentos sinceros e verdadeiros de quem sabe versar!
    Abracos

    ResponderExcluir
  20. Letras profundas escritas con mucho sentimiento!
    Un placer leerte, te dejo un fuerte abrazo!

    ResponderExcluir
  21. Às vezes alimentamos esse gênio ruim sem notar realmente que ele vai nos envenenando a alma. O bom seria somente cultivarmos sentimentos bons, mas nossa humanidade não nos permite e quando notamos, pensamos não existir nada bom dentro de um ser obscurecido pelas agruras da vida.
    bjks doces e uma semana maravilhosa. Ando meio devagar, mas tipo tartaruga vou caminhando.

    ResponderExcluir
  22. Que lindo texto e maravilhoso comentário você deixou no Perseverança, agradeço pela confiança e destaque em suas particularidades.
    Deixo um beijinho de luz para você e seu filho...
    Nicinha

    ResponderExcluir
  23. oi Patricia

    obrigado pelo seu carinho sua visita me faz feliz

    nós amamos o que escrevemos. vamos de mâos dadas.

    beijos.

    ResponderExcluir
  24. Boa noite!

    intenso e profundo,
    dilacerando a alma.
    parabéns!

    um abraço!

    ResponderExcluir
  25. Oi Patrícia!

    Nem sempre sabemos com quem lidamos.
    Pena é quando fica a impressão de que todos seriam gênios maus.

    Um lindo texto!

    Obrigada pela sua visita.

    Bjo

    ResponderExcluir
  26. Pois é, Patrícia, a vida nos reserva grandes surpresas. Beijos!

    ResponderExcluir
  27. oi Patricia,vc escreve com tanta intensidade que eu ouso ler ,beber suas palavras...admirar...agradecer por partilhar poesias que são verdadeiras pérolas....

    bjo grd!

    meu carinho...

    Zil

    ResponderExcluir
  28. Patrícia passando aqui para lhe oferecer um selinho em reconhecimento ao belíssimo trabalho que realizas aqui em tua página. Sinta-se à vontade para aceitá-lo ou não é o "THE VERSATILE BLOGGER AWARD" que está dando a volta em toda a Globosfera.
    e o seu Blog merece.
    Beijinhos!
    Clarice

    ResponderExcluir
  29. Oi Patricia
    Cada um tem dentro de si gênios bons e maus. Se alimentarmos melhor os gênios maus, seremos pessoas fúteis, mas se alimentarmos muito mais os gênios bons, ficarão tão fortes que expulsarão dentro do nosso ser os gênios maus. Aí nossa alma ficará leve para sermos pessoas boas e felizes. Como diz o ditado " Não dê asas para o diabo".
    Beijos querida
    Obrigada pelo carinho da sua visita
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  30. Olá menina poeta!!
    Amei seu blog, poesias lindas, adoro! Obrigada pela visita só hoje consegui vir, mas já fiquei por aqui tbm, um bjão, Ieda.

    ResponderExcluir
  31. BOA NOITE MINHA QUERIDA !!!!
    Texto real que nos mostrou que somos falíveis, e que devemos ter muito cuidado ao examinar nossos próprios pensamentos, buscando a verdade em todos os detalhes, para evitar sermos "enganados" pelo gênio maligno.
    bjssssssssssss

    ResponderExcluir
  32. lindo poema querida...
    eu me coloquei em muitas frases..

    bjs.Sol

    ResponderExcluir
  33. Lindo demais. Amei. Beijinhos querida.
    Vim do agenda blog. Tenha uma linda noite.

    ResponderExcluir
  34. OI!!!PATRICIA QUERIDA !!!TEMOS DENTRO DE NÓS 2 TIPOS DE pulsão,INSTINTOS INATOS QUE JÁ NASCEM CONOSCO........A pulsão de vida (Amor)....deu-se o nome de Eros, à outra chamou-se pulsão de morte ou Tanatos.
    Eros(AMOR) é a pulsão de vida e abrange as pulsões sexuais e as de autoconservação.
    Tanatos é a pulsão de MORTE, pode ser autodestrutiva ou estar dirigida para DESTRUIR tudo e todos a sua volta....
    O autoconhecimento é importante para aprendermos a lidar com estas forças que uma CURA e a outra MATA.
    fica em paz bjs

    ResponderExcluir
  35. OBSERVAÇAO NA PALAVRA INATO LEIA-SE NATO QUE JA NASCEM CONOSCO.BJS

    ResponderExcluir
  36. Não chore , mulher . É uma constante n interior desse gênio mal . Contidos em todos os seres humanos , mas em alguns não desperdados , mas outros acordados , nisso é tempo de se tratar para curar e explodir em si mesmo e matar o gênio mal é hora do gênio bem não o deixar, e despejar toda bondade em torno do seu amor , despejar todo bem nas relações com o mundo...soretudo com o seu próprio mundo : interno .

    ResponderExcluir
  37. Olá Patricia!
    Mergulhei na profundidade de teus versos...
    Puro encanto!

    O Drink está de portas abertas!

    bjim de luz
    .
    L!zA

    ResponderExcluir
  38. Esses são sentimentos que ñ podemos deixa-los fazer morada em nosso ser.
    No final só nos fazem mal. Você e seu bom gosto parabéns linduxa mais uma vez

    ResponderExcluir

A verdade está em mim, sou amante dela com todo o fervor, e desse modo peço que todos que aqui passarem, comentem com a alma, com paixão e verdade, deixando a sua opinião particular e individual, afinal, somos seres únicos com visões diferentes!
Que a alma de cada um de vocês transborde nesse espaço tão meu, tão nosso!
Obrigada e beijos na alma!!!!!!!!!!

Patrícia Pinna.