REDESCOBRIDORES DA ALMA!

domingo, 3 de novembro de 2013

Sem Temática By Patrícia Pinna


Quando a palavra não flui
Verdadeiramente nada se intui
Sentimos um vazio imenso
Como se o universo fosse denso

Não havendo qualquer temática
Nem a exatidão da matemática
No que desejamos transpassar
Para o viajante individual admirar

Uma punição para a nossa mente
Massacrada por tanta cobrança
Esquecendo-se da companheira esperança
Que em forma de suave bonança
Traz luz para uma recém-semente

Elucidando que os versos são pássaros
Dissipando pensamento aprisionado
Mesmo em alguns instantes de crises
Consagrando-se verbo vivo
Merecendo ser ovacionado
Adentrando na alma em qualquer estado.


Autoria: Patrícia Pinna
Imagem: Internet

47 comentários:

  1. "Quando a palavra não flui...sentimos um vazio imenso"

    Nem duvides....

    Beijinho

    ResponderExcluir
  2. Gostei desse verso!!

    Quando a palavra não flui
    Verdadeiramente nada se intui
    Sentimos um vazio imenso
    Como se o universo fosse denso

    Bjusss


    . (.") .
    . /█\..└──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Patricia.. quando as palavras não fluem é pq precisamos silenciar nosso exterior para ouvir nosso interior.. palavras estão sempre pairando nosso mental só temos de canalizar elas.. teu blog apanhou aqui para carregar. acho que devido a musica ok... e minha net que tá cada vez pior rsrs beijos pra ti

    ResponderExcluir
  4. Interessante. Além do romântico, não conhecia esse lado teu enveredando por outras áreas do pensamento e comportamento humano. Versátil.

    http://apoesiaestamorrendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Lindo e ainda bem, aqui , pra ti a palavra flui sempre, cheia de sentimentos e inspiração!!Adorei! beijos,chica

    ResponderExcluir
  6. Sem temática, não evolui
    Sem amor se vive triste
    Já não sei onde ele existe
    Não o encontrei, mas fui.

    Por aí a caminhar
    Vi a voar o passarinho
    VI as nuvens a passar
    Com o vento de mansinho.

    Outras coisas belas vi
    Às que não estavam escondidas
    Nelas a pensar estou aqui
    Com esperanças não perdidas!
    Um beijinho
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  7. Patrícia: Acho que não sei o que hei-de dizer, mas simplesmente lindo.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde!!
    Excelente! Adorei
    Tenha um maravilhoso Domingo

    Beijos´
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Patrícia! Percebo esse cansaço morando em meus versos, eles querem sair, mas estão dominados pelo querer não realizado. Esperança, quem vive de fato sem ela?
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Um tema bastante interessante e complicado amiga,quando a palavra não fui. Com ela vem acompanhada a gagueira e o pior dos pesadelos, a timidez. Tenha um excelente final de tarde...

    ResponderExcluir
  11. Patrícia,

    Versos de inspiração profunda, semelhante talvez ao sentimento que teve Olavo Bilac ao escrever:


    INANIA VERBA

    Ah! quem há-de exprimir, alma impotente e escrava,
    O que a boca não diz, o que a mão não escreve?
    — Ardes, sangras, pregada à tua cruz, e, em breve,
    Olhas, desfeito em lodo, o que te deslumbrava…

    O Pensamento ferve, e é um turbilhão de lava:
    A Forma, fria e espessa, é um sepulcro de neve…
    E a Palavra pesada abafa a Idéia leve,
    Que, perfume e clarão, refulgia e voava.

    Quem o molde achará para a expressão de tudo?
    Ai! quem há-de dizer as ânsias infinitas
    Do sonho? e o céu que foge à mão que se levanta?

    E a ira muda? e o asco mudo? e o desespero mudo?
    E as palavras de fé que nunca foram ditas?
    E as confissões de amor que morrem na garganta?!

    Olavo Bilac


    beijo
    Marcos

    ResponderExcluir
  12. As palavras são o nosso meio de comunicarmos para extravasarmos nossos sentimentos. Sem ela é nos sentirmos... Só! Como sempre Patrícia Pinna,se esmera em suas inspirações, mesmo Sem Palavras! Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Lindo demais,Patricia!

    Recebi,pois seu log está na minha lista de blogs amigos e recebo atualizações.

    Você é uma poetisa,amiga.

    Parabéns!

    Beijinhos e ótimo domingo

    Dryka



    Blog Suas Histórias Nossas Histórias

    ResponderExcluir
  14. Muitas vezes a temática sugere o silêncio das palavras, e o próprio silêncio intui a temática.
    Gostei muito!
    bjs.

    ResponderExcluir
  15. Boa noite amiga !

    Bela obra essa poesia, parabéns ! Quando a palavra não flui, é porque estamos meio que sobrecarregados. Descanse, e volte. A vida sem as palavras, para expressarmos emoções, não é nada. Viva as palavras e sua digna poesia.

    Abraços, fique na paz!

    Dan.
    http://gagopoetico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. É lindo e comovente cada verso que com tanto carinho você constrói... Parece que fazemos parte disso... que conseguimos sentir isso!É simplesmente perfeito!
    annagranado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Belo alvorecer querida !
    Desejo um belo e perfumado início de semana!
    No poetar traz o encantamento dos versos e maestria no conteúdo...
    bjsssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  18. Patricia,maravilha de poesia! Versos são pássaros,com certeza! Bjs e ótima semana,

    ResponderExcluir
  19. Quando a palavra não flui deixamo-nos levar pela imaginação, e pela alma sensível do artista e eis.... que a poesia acontece!
    beijo lindo minha amiga
    anacosta

    ResponderExcluir
  20. Versos por certo não tem a exatidão matemática, pois se assim fosse como nos maravilhar-mos com a temática? Linda inspiração Patrícia.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  21. Ei Patrícia, como está passando?
    Você é sempre um poço de sentimentos!
    Seus versos são muito intensos!

    Apesar de a minha profissão exigir o uso constante da palavra, preferiria, mil vezes, apenas ouvir a falar...
    E por diversas e repetidas vezes, a palavra não flui tão naturalmente...
    E diante da sua poesia encontrei uma explicação:são os sentimentos presos que precisam ser extravasados, mas falta a coragem para expô-los em sua totalidade...
    Deve ser apenas uma das causas...

    Mas o que interessa mesmo, é vir aqui e se deliciar com mais uma grande obra! Parabéns!
    Beijos e uma semana linda para você, que seja de muita luz e paz!

    ResponderExcluir
  22. Olá querida poeta! Bom dia!
    Quando as palavras não fluem, para muitos isso é difícil, principalmente pra mim que não consigo colocar no papel oque vai dentro do coração e da alma...mas pra você elas fluem com leveza, porque aqui sempre encontro palavras versadas com carinho e muita sensibilidade...Parabéns pela linda obra.
    Beijos com muito carinho em seu lindo ♥
    Marilene

    ResponderExcluir
  23. Que sufoco no peito dá quando a palavar não flui, mas quando temos amor no coração tudo flui naturalmente como seu lindo poetar.
    Adorei querida Patricia!
    Bjs no coração sempre.

    ResponderExcluir
  24. Olá Patricia,lindo poema! Quando a palavra não fluem,é puro sentimento!Perfeito!
    Adorei beijinhos.

    ResponderExcluir
  25. Paty

    as palavras podem até fugir, mas a esperança precisa permanecer sempre.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  26. OI PATRICIA!
    VERSOS COM TERMOS DE FIGURAÇÃO, ONDE A PALAVRA FLUI, MESMO SEM SER DITA...
    LINDO DEMAIS PATRICIA.
    ABRÇS
    http//zenibannitz.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. oi Patrícia, muito bom seu poema porque realmente dá um vazio quando as palavras não fluem, já que nos expressamos através delas. É um emudecimento que aflige e quando emergem tão vez a textos deliciosos de ler, como este seu.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  28. Essas sequências de rimas consecutivas em três versos seguidos são sufocantes de tão intensas. Gosto muito! Belo texto.

    ResponderExcluir
  29. Olá Patrícia, parabéns pela belíssima poesia, as vezes a palavra tenta se esconder, mas o coração teimoso do poeta, a encontra e a liberta em lindos versos, bjos e boa tarde.

    ResponderExcluir
  30. Querida amiga
    Hoje vim para agradecer a sua carinhosa visita ao meu cantinho!
    Muito obrigada!
    Me perdoe a minha ausência e cola e copia, mas estou passando pelo momento que preciso saber o que está acontecendo com minha saúde. Tenho certeza que não é nada serio, mas que preciso cuidar um pouquinho maia de mim. Logo voltarei para ler suas postagens com carinho e atenção que elas merecem.
    Desde já agradeço a sua compreensão e apoio.
    De todo o meu coração eu agradeço!
    Com carinho o meu muito obrigado!
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  31. Olá Patrícia,

    Para o poeta

    os versos são pássaros

    libertando a inspiração

    em palavras-sentimentos

    que ecoam na alma...

    Sempre belo o teu voo

    poético que ecoa

    profundamente na

    nossas almas...

    Sou grande apreciadora

    da tua sensibilidade e

    maestria poética,

    querida Patrícia!

    Beijo na tua alma luminosa!

    PS:Quero agradecer teu

    belíssimo e profundo

    comentário,sempre é

    uma honra a tua visita

    no meu blog.

    ResponderExcluir
  32. "...os versos são pássaros
    Dissipando pensamento aprisionado..."
    Que lindo, Patrícia...
    Quando me sinto meio que sem lugar pra onde correr por conta de algum pensamento, eu escrevo... e a sensação que fica é mesmo de liberdade...
    Tenha um ótimo fim de semana, beijos!

    ResponderExcluir
  33. Hoje quero agradecer por todas as vezes que você me fazer sorrir com tua linda visita em meu blog, por me fazer acreditar que existem pessoas e pessoas…
    Obrigada…
    Simplesmente obrigada…
    Que Deus te abençoe sempre…
    Um lindo final de semana.

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  34. Oi querida, que lindo!
    Às vezes as palavras simplesmente não veem, mas nos sentimos vazios... Sem ninguém...
    Beijos e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  35. senti o eco da tua alma e vim..

    Amei

    sem fim..


    beijos.

    ResponderExcluir
  36. Quando a conta não fecha, nada flui a contento, por isso é importante dar tempo ao tempo... Sempre bom te ler, Patrícia.Gostei muito.

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  37. Bom dia Patrícia :)
    Para os poetas,o que não faltam são palavras a fluir...
    Bjs \o/

    ResponderExcluir
  38. A palavra deve ser dita com o pesa que elas tem. Bela métrica, Patrícia! Obrigado por sua reação tão sincera em meu blog!

    ResponderExcluir
  39. Oi Patrícia:
    A vida não é uma variável constante, ela tem que fluir palavras que saem naturalmente do nosso coração.
    Palavras dóceis que elevam o ego dos menos favorecidos intelectualmente.
    Palavras duras só faz nosso coração rangir de agruras doloridas nos fazendo mal e a quem amamos.
    As palavras que fluem uma linda poesia faz nosso coração ficar mais afável.
    Está na minha lista.
    Adoro seus pensamentos poéticos.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  40. Quando a palavra não flui ...é porque o espírito da poesia ainda não acordou e se acordou com dor de cabeça está . Por outro lado , talvez seja pelo fato da água estar transbordando e no excesso do que escrever acabamos por nada em fazer . Mas tenha calma , respire , suspire que aí vem um sinal , uma única fagulha é suficiente para criar um poema magistral .

    Conseguiste comover seus leitores com esses últimos versos ( que tanto gostei ) :

    " Elucidando que os versos são pássaros
    Dissipando pensamento aprisionado
    Mesmo em alguns instantes de crises
    Consagrando-se verbo vivo
    Merecendo ser ovacionado
    Adentrando na alma em qualquer estado."

    Exatamente isso , são como pássaros , ou seja , possuem a liberdade de voar , do mesmo modo que nós possuímos a liberdade de criar , de pensar ...

    Tenha uma semana maravilhosa de paz , na pura liberdade dos pássaros em sua libertação !!!!

    ResponderExcluir
  41. A leitura pode ser equivocada quando as ideias não são devidamente expostas. O silêncio pode ser belo, em certos momentos, mas palavras adequadas podem produzir efeitos maravilhosos. Bjs.

    ResponderExcluir
  42. parabéns, Patrícia, as vezes é assim mesmo, as palavras voam e a mente emudece...

    M. Corredor

    ResponderExcluir
  43. Olá Patricia, vim espiar as novidades, amei seus versos, também tenho um texto que fala sobre a inspiração travada.Amei ler isto!
    obrigada por visitar meu bloguinho. bjs!

    ResponderExcluir
  44. Super lindo e emocionante!! Adorei esta postagem!! Um poema altamente maravilhoso!! Beijinhos fofinhos!!

    ResponderExcluir
  45. Sua sensibilidade flui até mesmo quando as palavras lhes querem fugir e isso é mérito de poucos.
    Tiro mais uma vez o chapéu para vc.
    Vc que é especial e sabe unir as palavras com mestrias mexendo com o nosso imaginário..

    Bjsss

    ResponderExcluir

A verdade está em mim, sou amante dela com todo o fervor, e desse modo peço que todos que aqui passarem, comentem com a alma, com paixão e verdade, deixando a sua opinião particular e individual, afinal, somos seres únicos com visões diferentes!
Que a alma de cada um de vocês transborde nesse espaço tão meu, tão nosso!
Obrigada e beijos na alma!!!!!!!!!!

Patrícia Pinna.